Escucho el silencio del tiempo que pasa _ escuto agora o silêncio, me quedo con él y en él, entro en las letras y en los números _ atravesso letras e números, embalo e calo _ las callo y los cuento, busco el prodígio de la relación constante _ afloro o prodígio da relação constante, a assombrosa claridade do silêncio, o encontro transparente da verdade _ el asombro cintilante de la vida ____ SOY pi & phi _

26/5/09




















Sou preguiçoso e vadío,
tadinho e maluco,
meio malandro,
não tenho estudos
nem li os clássicos,
nada sei de sociologia,
nem de filosofia,
pouco ou nada de economia (só um pouco dá minha, que também é pouca),
e para rematar rápido (já disse que sou preguiçoso)
não sei quase nada de tudo o que remata em “ia”,
muito menos da poesia.



Gosto de Superbock em quantidade,
seja em garrafa ou em caneca de pressão,
de frango de churrasco do Carpa,
da couve do caldo verde,
do sol que aquece as pedras,
das próprias pedras aquecidas pelo sol,
das palavras inúteis e inventadas
e acho que não há coisas como as melhores.




É por tudo isso que eu estou aqui.




Mas também posso esquecer tudo
e estar só onde tu estejas,
porque sempre é aí que eu sou mais eu
e onde mais gosto de ser e estar.

(Que, a propósito, em inglês pode-se dizer com uma só frase : "To be in you".

Ainda há quem me ganhe a preguiçoso!)









2 comentarios:

in_side dijo...

construção:

lego s sobre

lego s

sobre

lego s

? igual

a

gaudi s,

(( a curva s

im)(possívei s

( igual

a

pedra s




*

Farrapos de Gaita dijo...

Boas, Pi&Phi, deixo a túa bitácora enlazada os meus Farrapos de Gaita. Saúdos cordiais desde o outro lado da raia.

Archivo del blog

DMCA.com