Escucho el silencio del tiempo que pasa _ escuto agora o silêncio, me quedo con él y en él, entro en las letras y en los números _ atravesso letras e números, embalo e calo _ las callo y los cuento, busco el prodígio de la relación constante _ afloro o prodígio da relação constante, a assombrosa claridade do silêncio, o encontro transparente da verdade _ el asombro cintilante de la vida ____ SOY pi & phi _

19/2/16

~







quase sempre são
as ficções menores 
o que tudo comanda 
( insidiosas  e atarracadas )

cada milagre é apenas a vontade - 
quando muito um árduo reabrir 
de sílabas e
portadas. 


 ~

1 comentario:

phi dijo...

O quasse nao é o absoluto e as ficçoes nao sao a realidade.
Para algumas coisas, este quasse é suficiente, bom e ate milagroso.
Para outras, é mesmo o inferno da mentira.
Há que saber diferenciar emtre uma e outra coisa.
Boa fotografía. Muito ilustrativa.

DMCA.com